quarta-feira, 30 de junho de 2010

AnCORAGEM!




Sabe o que eu fiquei sabendo?
Que a gente precisa ter coragem pra estar no nosso corpo
Coragem!
Presente, ancorado!
Fazer o exercício diário de
Ancoragem!
É mais fácil ir embora pra onde a mente nos leva.
Na sua pressa ansiosa, a gente vai sendo levado.
Pra lugares já bem navegados.
E a gente vai como uma mosquinha no vento forte.
Perdida no zigue-zague.
Nosso corpo é nossa Âncora!
Âncora da terra
que nos chama pra estar vivo nela
ancora que nos chama pra fluir com ela
respirar junto
pra ser ela.
Quanto mais ancorados
Mais livre ficamos
Quanto mais ancorados
Mais corados ficamos
Corado
Com cor
Cor de Amor
Cor de Luz
Cor de calor
E o incrível é que,
quanto mais ancorados na terra,
mais alto voamos
Quanto mais presentes no corpo
Mais livres estamos
E isso é uma opção
Simplesmente uma opção
Uma escolha por estar vivo

4 comentários:

  1. É fácil gostar de amora, não precisa nem prová-la, basta ler estas poesias de tão encantadora senhora.
    Luciana, que fulgurante ser tu és...permita-me ser membro de seu blog.
    beijos de luz.

    ResponderExcluir
  2. adoro amora e amor!
    =)
    bonito encontro.

    ResponderExcluir
  3. Ancoro-me na liberdade de ser nas tuas palavras.LIndo!

    ResponderExcluir
  4. Fico feliz de vcs e de nós. Do encontro!
    Lindos vcs! Poetas mesmo.

    ResponderExcluir